Samsung aperta a sua aderência a China vende 12,5 milhões de aparelhos no Q1

O mercado de smartphones Chinesa é uma pergunta difícil de decifrar, principalmente, de um prémio de telefone fabrica. Dominado o mercado mais do que o orçamento orientado aparelhos, e empresas como a Apple tem se esforçado para corresponder mercados Ocidentais performances, devido ao alto preço de seus telefones.

No entanto, parece que a Samsung vai ser forte na China conseguiu fazer mais de um impacto no mercado Chinês que qualquer outro fabricante. A empresa já detinha o título de mais vendido smartphone da empresa na China últimos quatro trimestres, acabou de postar um recorde de vendas figura de mais de 12 milhões de unidades no primeiro trimestre deste ano.

Para ser mais preciso, a Samsung vendeu cerca de 12,5 milhões de smartphones na China, no período entre janeiro e Março, a primeira vez que a Samsung ou qualquer outra indústria, conseguiu vender mais de 10 milhões de smartphones na China, em um único trimestre.

Para colocar isso em perspectiva, a Samsung agora é dono de cerca de 18,5% do mercado Chinês de smartphones, de acordo com o grupo de Pesquisa de Mercado strategy Analytics, e conseguiu aumentar a sua quota de 2,2% sobre o trimestre anterior.

Ao mesmo tempo, a empresa rival a Huawei tem empurrado próprio para o segundo lugar com a venda de 8,1 milhões de smartphones no último trimestre, ultrapassando a Lenovo vendeu 7,9 milhões de unidades. Em quarto e quinto lugares consistem Huawei e a ZTE, enquanto a Apple ainda é uma espécie de trás da Samsung, que vendeu apenas 6,1 milhões de unidades, deixando a empresa em sexto lugar neste trimestre. Mais decepcionante que a LG conseguiu falar de 100, 000 smartphones, contabilidade, por mais lamentável de 0,1% de share.

A importância de um forte desempenho no mercado Chinês não pode ser subestimado o país constituem cerca de 32% do total de embarques de smartphones. Continuação da predominância na China e em outros mercados em todo o mundo garante outro de saúde o início do ano para a Samsung.

Vai ser interessante ver se a empresa pode continuar a apertar a sua aderência a esse mercado em crescimento, antes do final do ano.

NotíciasTagged: , , , , , , Samsung, Huawei, Apple, LenovoZfonte: Korea Herald comentários ler comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *